Associação aos sindicatos patronais traz benefícios à industria alimentícia

Assessoria jurídica para questões legais, trabalhistas e legislativas, licenciamentos, cursos, apoio à gestão e desenvolvimento estão entre as vantagens oferecidas

Com 74 anos de atuação, o Sincabima foi um dos sindicatos fundadores da FIEP, sendo reconhecido como um dos sindicatos mais representativos do setor de alimentos. Agora, as empresas paranaenses fabricantes de congelados e supercongelados, sorvetes concentrados e liofilizados, de molhos, temperos e condimentos, além de conservas de peixes, crustáceos e moluscos, alimentos dietéticos e de produtos derivados de amendoim em breve farão parte da base de atuação do Sincabima, que já conta com 900 indústrias filiadas no estado do Paraná.

Com a missão de representar e orientar as empresas para o desenvolvimento e a sustentabilidade do setor, a entidade desenvolve ações proativas e inovadoras. Entre as atividades oferecidas pelo Sincabima está o InPAR (Instituto Paranaense de Reciclagem). A entidade recém-criada foi uma iniciativa do sindicato em parceria com a FIEP e mais seis sindicatos – Sindicarne, Sindiavipar, Sinduscafé, Sinditrigo e Sipcep. “O instituto nasceu para gerenciar os projetos de Logística Reversa, iniciados em 2014, a fim de incrementar as iniciativas ambientais com soluções econômicas e seguras para as empresas do setor alimentício”, afirma Rommel Barion, presidente do Sincabima, que também está à frente da presidência do InPAR.

Como as adequações às exigências da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) prevê, entre outras exigências, os acordos setoriais firmados entre o Poder Público e os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes, a fim de promover a implantação da responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos, o INPAR passa a ser o órgão paranaense que garante esta implantação. “Nesse caso, as empresas que estiverem associadas ao Sincabima e que aderirem aos projetos da entidade estarão asseguradas, no âmbito estadual e nacional, e poderão comprovar perante os órgãos fiscalizadores e no momento da renovação da licença de operação, que participam do acordo setorial e que contribuem para as ações exigidas pelo Governo”, afirma Barion.

Sobre o papel do Sincabima, o presidente afirma que o sindicato tem a função de representar legalmente as indústrias de alimentos nas negociações de convenções coletivas da categoria. “Para as empresas associadas ao sindicato patronal, o Sincabima oferece, ainda, serviços como assessoria jurídica para questões legais, trabalhistas e legislativas, licenciamentos, cursos, apoio à gestão e desenvolvimento, orientações para a conquista do Selo de Alimento, além da organização de visitas empresariais e participações em feiras nacionais e internacionais, aluguel de salas, convenções e acordos coletivos, comissão de conciliação prévia, grupo de RHs, cartão SESI, acesso ao catálogo de produtos e serviços do Sistema FIEP com diferenciações e, também, a defesa de interesses”, acrescenta.

Palavra da Presidente

Uma alegria fazer coro com os meus antecessores na celebração dos 84 anos do Sincabima, no qual tenho a responsabilidade e privilégio de presidir neste mandato. Muitos são os desafios

Leia mais »

Eventos Agendados

Conheça as Vantagens e associe-se

Associe-se